RSSFacebookTwitter YouTubeInstagramPinterest





A Aurora Boreal – Alaska

Após desembarcarmos no Ted Stevens, Anchorage – AK, realizamos o programado, ou seja, uma caminhada de aproximadamente 8 km até o centro de Anchorage, onde nos hospedamos. Vocês devem estar se perguntando se 8 km é muito ou pouco, depende do peso da sua mala para passar 26 dias viajando.

Ficamos no Brent Prop Inn, um hostel organizado, limpo, e muito bem localizado. Existem dois na cidade, estamos nos referindo ao que fica em downtown. O valor da diária em quarto compartilhado é de US$ 30,00.

Compras em Anchorage

Já sabendo que precisaríamos de equipamentos fotográficos, havíamos realizado algumas pesquisas, e encontramos a Stewart Photo Shop – 531 W 4th Av. – é uma loja bacana e possui a disposição as marcas mais consagradas do mercado à um preço justo.

Nota: no Alasca o imposto sobre a venda é zero.

Caindo na estrada

Como nosso objetivo é alcançar o Círculo Ártico para fotografar a Aurora Boreal partimos rumo a Fairbanks, um percurso de aproximadamente 600 km que passa por dentro do Denali National Park. A highway AK 3, apesar de estar passando por algumas obras é excelente, e a paisagem sempre nos convida a seguir em frente. Dirigimos sobre chuva, sol e até neve, e acreditem, foi fantástico.

Seguimos de Fairbanks rumo ao Círculo Ártico, enfrentamos a parte mais complicada do trajeto, com trechos de estradas de terra e trechos de estrada mais “brasileira” (risos). Durante o caminho encontramos um local com boa visibilidade do céu, onde ficamos. O que nesse momento foi um presente.

Local escolhido! Agora só nos resta esperar a visita da Dona Aurora. Já faziam algumas horas que estávamos aguardando, e nada, quando de repente lá estava ela, um pouco tímida no começo, mas em pouco tempo toda a timidez foi substituída por um espetáculo incrível, cheio de corres e formas. Inexplicável!

Segue uma pequena amostra do que em breve estará em nossa galeria de fotos.

Aurora Boreal

Alaska Estados Unidos

A noite foi incrível, no entanto longe de ser confortável. Dormir no carro, com temperatura negativa, a beira da estrada, não é nada prazeroso, e apesar da nossa nobre recompensa nossa missão não terminava ali, ainda restavam mais 120 km de estradas precárias até chegarmos no Círculo Ártico.

Passos e Trilhas Expedição Alasca

Paulo Castro (esquerda) e Anderson Testi (direita) na placa que indica o Círculo Ártico

Missão cumprida! Mas nossa aventura está só começando.

Bons passos e boas trilhas.


Leia também

Ilhabela, São Paulo – trilhas e dicas

Ilhabela, fica situada no litoral norte de São Paulo próxima da cidade de São Sebastião, ela foi o destino de

Carol Emboava – Expedição Citroen AirCross – 9°/10° dias

9º dia – 18nov10 – De São Luiz do Purunã (PR) para Icaraíma (Ilha Grande – Porto Camargo/PR) Esse seria

Acima dos 5000 metros

Estou lendo “No Ar Rarefeito”, um livro do Jon Krakauer que fala sobre um ano trágico no Everest, 1996. Uma

Anderson Testi

Anderson Testi

Técnico e Engenheiro de Telecomunicações, há mais de dez anos atuando no setor. Andarilho e Mochileiro, apaixonado pelas montanhas e por tudo que nelas existe: trilhas, cachoeiras, rios, fauna e flora. No Twitter: @andersontesti


2 comentários

Deixe sua opinião
  1. Arlindo Sousa
    Arlindo Sousa 15 setembro, 2014, 22:12

    Olá, quando conheci, adorei o v/site.
    Muito bem estruturado, é um prazer fazer as leituras bem como assistir a videos que colocaram á disposição de todos os visitantes.
    Já recomendei ás minhas amizades, dos que gostam de trekking e bike e escalada, bem como aos que gostam somente de acampar e caravanismo ou meramente de apreciar a VIDA a fluir atraves das imagens escritas ou gravadas por outros…….mas a paz de espirito, a felicidade que esses momentos propriciam, o espirito zen que nos envolve enquanto lemos ou comtemplamos as emoções e riscos dos aventureiros é impagável, é como uma “pedra no charco” da vida agitada de tantos de nós que nos esquecemos de “carregar” baterias, meditar ou simplesmente apreciar a serenidade e aporte de bem estar que é comtemplar a natureza, o horizonte desde as alturas, as cadeias de montanha, a imensidão do oceano de água ou de neve……tudo isto se alcança neste site, e só existe comparação com outros sites de sentido igual, que trate dos mesmo temas!!!!!
    Mas como sou amante de campismo e acampar na montanha/lagos/rios, de andar de bike,de caravanismo e viajar pela natureza, conhecer outras culturas e tradições perdidas no deserto ou nas montanhas, mesmo nas cidades,alem de gostar de historia e arquitetura e jardins, vou enviar o endereço do blog que criei com minha esposa para que todas as nossas viagens de aventura fossem registadas e dadas a conhecer a amigos, campistas e aventureiros, ou simplesmente aos que gostam de apreciar ambientes, lugares e historia, arquiteturas e jardins, e até planearem viagens por tais lugares.
    0 blog tem roteiros, dicas de campings e muitas fotos e mini-videos de paisagens, cidades, lugares, por toda a Europa Ocidental desde Noruega até Turquia, e Marrocos inesquecível.
    Fico grato por darem a conhecer a interessados que visitam v/site, das dicas e destinos que percorremos nestas viagens, podendo ser o incentivo para outros amantes de viagens tambem concretizarem ou pelo menos “viajarem” pelas imagens e sons no conforto do sofá.
    Arlindo Sousa
    Obrigado

    Responda este comentário

Deixe a sua opinião