RSSFacebookTwitter YouTubeInstagramPinterest





Livro “A Incrível Viagem de Shackleton”

Ernest Henry Shackleton, irlandês de nascimento e britânico de nacionalidade, nascido em 1874 e falecido em 1922, um dos maiores comandantes de expedições a Antártida que o mundo já teve o prazer conhecer. O Chefe da Expedição Imperial Trans-Antártica, que em 1914 partiu da Inglaterra rumo ao pólo sul com a missão de cruzar a pé esta parte do planeta. Chefe do Endurance, um navio que naufraga destruído pela força dos bancos de gelo do Mar de Weddell e deixa a mercê da sorte 28 homens no continente gelado. Um homem que lutou por 6 meses para levar de volta para civilização toda a sua equipe, e que conseguiu, sem nenhuma morte!

Ernest Shackleton

Ernest Shackleton, chefe do Endurance

Essa é um resumo da história contada no livro “A Incrível Viagem de Shackleton“, escrito por Alfred Lansing através de entrevistas, pesquisas e consultas aos diários da tripulação do Endurance. Publicado pela Editora Sextante e com o original datado de 1959.

Livro A Incrível Viagem de Shackleton Eu descobri este livro através da leitura dos livros do Amyr Klink, principalmente do livro onde ele relata a circunavegação da Antártida e cita dentre outras referências o nome de Shackleton. O livro sobre a viagem do Endurance é algo fascinante, uma história de 343 páginas recheadas de expectativas que convida qualquer um que goste de aventuras a se transportar para o ambiente frio e úmido do pólo sul, imaginando as saídas de caça para obter comida, os problemas com o gelo ou os problemas de enfrentar, a bordo de pequenos barcos, um dos piores trechos de oceano do mundo. Eu devorei o livro em tempo recorde para a média das minhas leituras de tão interessante que é o relato desta história de resistência – parece que escolheram bem o nome do navio que os levaria até lá.

Endurance de Shackleton

O Endurance preso no gelo do Mar de Weddell

Depois de ficarem presos e verem seu navio ser destruído pelo gelo a tripulação do Endurance acaba à deriva, flutuando em banquisas de gelo aos caprichos da sorte, das correntes marinhas e do vento antártico. Sobrevivendo como podem ao frio, vento e falta de comida. Até o momento que o gelo começa a partir e a decisão se torna inevitável, era hora de lançar os pequenos barcos do Endurance ao mar agitado e imprevisível daquela região. Assim começa uma jornada de luta pela vida, uma jornada de seis meses que derrubaria a moral e a vontade de viver de muitos de nós, mas que não amoleceu a equipe do Endurance.

Não vou relatar a história por completo aqui para não acabar com as surpresas de quem pretende ler este título, só posso lhes garantir uma coisa, se vocês gostam de uma boa história real de aventuras e descobertas vão adorar este livro. Abaixo eu deixo vocês com alguma fotos e com a pontuação do livro – mais uma novidade aqui no TB. Agora passaremos a pontuar os livros e filmes, como fazemos com os reviews!

Avaliação e Nota final – 3.5 (No total de 5 pontos)

Título: A Incrível Viagem de Shackleton
Autor: Alfred Lansing
Páginas: 352
Editora: Sextante
Lançado em: 1959 (versão original) /2004 (versão em português)
ISBN: 85-7542-138-7

Encadernação★★★☆☆ 
Ilustrações★☆☆☆☆ 
Qualidade da Leitura★★★★★ 
Conteúdo Cultural★★★★★ 
Nota Geral★★★½☆ 

Comentários finais

A encadernação é simples com capa mole e orelhas na capa e contracapa. A única coisa onde o livro deixa a desejar é no quesito das ilustrações ou fotos. Não existe nada além de um mapa logo nas primeiras páginas que mostra a rota da tripulação naufragada pelo oceano antártico. O relato vale a pena como fonte de cultura para quem gosta de histórias de explorações, navegações e/ou descobertas. Recomendo!

Uma curiosidade: em 2010 foram encontradas no pólo sul garrafas de whisky com 102 anos que pertenceram a tripulação do SS Nimrod, outra expedição do Shackleton, esta em 1097-1909!

Fotos da expedição Imperial Trans-Antártica de Shackleton

Endurance destruído pelo gelo

O Endurance destruído pelo gelo

Parte da tripulação após o naufrágio, acampados no gelo

Parte da tripulação após o naufrágio, acampados no gelo

Imagem de um recorte de jornal que mostra o acampamento de Shackleton nas banquisas

Imagem de um recorte de jornal que mostra o acampamento de Shackleton nas banquisas

Chegada dos barcos na Ilha Elephant e um acampamento sob os cascos dos barcos

Chegada dos barcos na Ilha Elephant e um acampamento sob os cascos dos barcos

Túmulo de Shackleton

Túmulo de Shackleton na ilha Geórgia do Sul


Leia também

Filme 127 Horas

Em 2003 o montanhista americano Aron Ralston sofreu um acidente durante uma aventura solo por uma região de canyons nos

Vídeo – Ueli Steck – A New Vision

Que tal voar de uma montanha para outra de paraglider e fazer em um dia três das montanhas mais famosas

Livro – A Senda e o Aprendizado do Mochileiro Peregrino

Divulgação/Release de lançamento Em Dezembro de 2012 chegou ao mercado editorial de relatos de viagens o livro “A Senda e

Mario Nery

Mario Nery

Trekker, montanhista e mochileiro, pratica esportes outdoor desde 1990. Apaixonado por equipamentos, fotografia, cerveja e tecnologia. Formado em TI, atualmente trabalha na área mídias sociais/marketing digital. Siga o Trekking Brasil no Twitter: @trekking


10 comentários

Deixe sua opinião
  1. Jodrian Freitas
    Jodrian Freitas 18 outubro, 2011, 21:42

    Li há pouco tempo este livro e também recomendo. É a vitória da persistência humana quando tudo está contra.

    Responda este comentário
  2. Mario Nery
    Mario Nery 18 outubro, 2011, 21:53

    Eu acabei de ler hoje e já corri para fazer o texto, gostei muito mesmo! Inclusive vou buscar outros livros sobre a mesma expedição, existe um de fotos, importado. Esse eu tenho que achar!

    Responda este comentário
  3. Mauricio Oliveira
    Mauricio Oliveira 19 outubro, 2011, 09:50

    Realmente o livro deixa a desejar no quesito fotos.
    Mas a riqueza de detalhes do texto compensa um pouco.
    Ótimo post! ;)

    Responda este comentário
  4. Gustavo Krause
    Gustavo Krause 20 outubro, 2011, 14:54

    Estou lendo, demorando pra terminar mais é muito bom mesmo! Também busquei o livro após ver as citações do Amyr Klink, no 2º livro da família Shurmman também conta que visitaram uma exposição das fotos dessa viajem, se não me engano as fotos originais.

    Responda este comentário
  5. Jaime Rego
    Jaime Rego 6 dezembro, 2011, 15:37

    Descobri esse site por acaso e já curti de cara, realmente muito bom.
    Quando comecei a ler reviews sobre acessorios, algumas coisas sobre trekking,filmes, etc, me deparo com esse livro. Realmente parece muito interessante. Acabei de comprá-lo.
    Valeu pela dica.

    Responda este comentário
  6. Mario Nery
    Mario Nery 6 dezembro, 2011, 21:37

    Jaime bem vindo ao site e obrigado pelo comentário. Esse livro é muito bom, um dos melhores livros de aventura que eu já li até agora, altamente recomendado. Abraços!

    Responda este comentário
  7. jeferson a cerantola
    jeferson a cerantola 12 Janeiro, 2012, 18:15

    acabo de ler Endurance A lendaria expediçao de Shackleton a Antartida de Caroline Alexander.
    Fantastico, muitas e boas fotos, relatos incriveis onde demonstram espirito de Determinaçao, Arrojo, Solidariedade, Liderança, Competencia, Cumplicidade, Uniao…enfim vale a pena sob todos os aspectos.Recomendo

    Responda este comentário
  8. Fabrício Estevão
    Fabrício Estevão 15 Março, 2012, 09:23

    Já li esse livro e o da Caroline Alexander. Inclusive tenho os dois livros.
    A história é facinante, eu assim como o Mario comprei por indicação do Amir Klink em um de seus livros.
    Outros dois que posso recomendar são:
    ” O ultimo lugar da terra” – Roland Hutenford – Conta com rigorosos detalhes a corrida para se chegar até o polo sul. Fabuloso. Vocês vão descobrirem a história de um dos principais exploradores que existiu, Roald Amundsen.
    Já o outro livro, “Aventuras no mar” de Helio Setti Jr. é para encherem a alma, é uma filosofia de vida. É meu livro de cabeceira, ele sempre está a minha mão e posso abrir em qualquer página que vou me entusiasmar com as histórias do Hélio, amigo do Amyr, e que foi embora muito cedo. Esse ai deu a volta ao mundo sem pressa, visitando os lugares mais maravilhosos e vivendo sem pressa em seu veleiro “vagabundo”.
    Abraço a todos

    Responda este comentário
  9. sergio luiz
    sergio luiz 18 julho, 2013, 21:53

    passei um ano no polo sul na base antartica da da marinha e acho que posso dizer que com todos recursos de hoje ainda é quase impossivél conseguir viver naquele continente,,,,estive tb na ilha elefante onde ainda se pode observar partes do mastro do endurance proximo a praia. o livro é sensacional, nota 10…….

    Responda este comentário
  10. Patrick Custódio
    Patrick Custódio 6 Maio, 2016, 10:32

    recomendo a leitura. sempre penso neles quando passo por algum perrengue.

    Responda este comentário

Deixe a sua opinião